terça-feira, 25 de janeiro de 2011 | Autor:

Querido Mestre,

Veja que interessante esse trailer da série Human Planet da BBC.

Um abração,

Enio Peretti
Unidade Trindade — Florianópolis

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009 | Autor:

Link enviado pelo colega João Camacho, de Portugal:

Índia cria arquivo de posições de Yôga para evitar pirataria

Andrea Wellbaum, da BBC Brasil em Londres

Um grupo de cerca de 200 gurus e cientistas da Índia se reuniu para identificar todas as antigas posições de Yôga – os ásanas – para prevenir a pirataria.

A medida, que tem o apoio do governo indiano, é uma resposta à concessão de dezenas de patentes nos Estados Unidos a professores de Yôga que alegam ter sido os criadores de determinados ásanas e que podem estar se beneficiando indevidamente de um conhecimento indiano milenar.

“Patentes de posições de Yôga e marcas registradas sobre instrumentos de Yôga têm se tornado excessivas no Ocidente. Até agora, identificamos 130 patentes relacionadas ao Yôga concedidas nos Estados Unidos”, afirmou à BBC Brasil o Dr V.P. Gupta, que criou um arquivo digital do conhecimento indiano, a Traditional Knowledge Digital Library (TKDL).

O livro mais antigo que está sendo documentado deve ser o Yôga Sútra, de Pátañjali, segundo Gupta.

Até agora, cerca de 600 ásanas já foram documentados e espera-se que até o fim do ano sejam registrados pelo menos 1500.

Indústria bilionária

Uma vez identificadas, elas serão incluídas na TKDL e reconhecidas como propriedade pública da Índia.

“Nosso objetivo não é patentear as posições de Yôga, já que o conhecimento que já é de domínio público não pode ser patenteado. Como os livros de Yôga foram escritos em 2500 a.C., ninguém pode patentear ou registrar o Yôga”, explicou Gupta. [Aqui nós detectamos uma tradução errada. Se o livro mais antigo que estão estudando é o Yôga Sútra, conforme consta alguns parágrafos acima, a data é estimada em cerca de 300 a 400 a.C. Embora o ensinamento do Yôga seja de mais de 5000 anos, não foram encontrados textos datados de 2500 a.C.]

A medida tem como objetivo, segundo Gupta, reduzir os casos de apropriação indébita das informações, “o que deve evitar os procedimentos custosos de invalidação de patentes concedidas indevidamente”, disse Gupta.

Estima-se que o Yôga virou um negócio de US$ 225 bilhões (cerca de R$ 526 bilhões) no Ocidente. Cerca de 16,5 milhões de americanos praticam Yôga e gastam cerca de US$ 3 milhões (cerca de R$ 7 milhões) por ano em aulas.

Leia mais »

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009 | Autor:

Camila nos enviou este vídeo que fora recomendado pelo Bruno e complementado pelo link do Luc.

httpv://www.youtube.com/watch?v=0K1Z80L2BHg&feature=PlayList&p=DC0BB17BC6A792B8&playnext=1&index=18

O meu amigo Luc me enviou o link abaixo:

((link removido pelo moderador))

Guilherme

guilhermeevangelista@gmail.com | 189.61.200.45

Boa tarde, DeRose!
Os arquivos que o Luc enviou são de categoria “torrent”, ou seja, necessitam de um programa específico para serem “baixados” e geralmente ficam hospedados em sites suspeitos, mesmo porquê não podem ficar tão visiveis na internet pelo fato da maioria serem cópias não autorizadas de filmes.
O documentário da BBC sobre a Índia é bem interessante. Adquiri os dois DVDs em uma banca de revistas sob a publicação da Editora Abril.

Um grande abraço e admiração!

ObrigadoGuilherme. eu também adquiri os DVDs. São ótimos. Aproveito para divulgar os DVDs do nosso amigo Arthur Veríssimo, da Trip, que estão sendo lançados esta semana. Veja o post: Lançamento de DVD sobre a Índia.

Leia mais »