sexta-feira, 18 de março de 2011 | Autor:

Mestre! Saudade de compartilhar ideias por aqui…
Este post é muito interessante, cada vez que leio algo parecido penso que a maioria de nossas dores são o reflexo de insatisfações e somatizações de diversas ações ao longo da nossa vida. A humanidade busca algo que seja imediato e logicamente, “não viemos a este mundo para nos banhar em água de rosas”. Alcançar a consciência e autonomia para nos analisarmos com objetividade requer maturidade e equilíbrio. Para reforçar te envio o vídeo em anexo que indaga: Qual etiqueta gostaríamos de usar? http://www.youtube.com/watch?v=Wv49RFo1ckQ&feature=player_embedded
Um abraço forte!
Lu
Unidade Centro Cívico – Curitiba – PRwww.derosecentrocivico.org