quarta-feira, 13 de julho de 2011 | Autor:

Netiqueta ou etiqueta digital é o hábito de se cultivar as boas maneiras também ao enviar um email, navegar em sites e redes sociais ou mesmo ao atender o celular. Todos os conceitos de espaço vital e civilidade que Nosso Método preconiza também se aplicam às novas mídias. Em resumo, pense que, se existe algo que você não faria na vida real, também não o faça no mundo eletrônico. Esse texto servirá para abordar alguns detalhes específicos dessa área. Eles podem ser observados a fim de diminuir possíveis atritos e aprimorar a sua imagem no universo virtual.

Independentemente da mídia, a atenção aos detalhes pode ser um fator de sucesso ou fracasso na sua comunicação. Escrever com português claro, produzir um texto limpo e bem diagramado são cuidados muito bem recebidos. O impacto negativo em sua imagem digital de um texto sujo, com erros, abreviações em excesso pode abalar a confiança no seu trabalho.

Não acredite em boatos, campanhas, crianças perdidas ou pesquisas reveladoras desenvolvidas no exterior. Mensagens com esse tipo de conteúdo geralmente são artimanhas para que os seus dados de contato caiam em maillings pouco confiáveis.

Evite a todo custo a palavra urgente. Quem diz que algo é urgente, na verdade está dizendo que não se programou com a antecedência necessária e que agora quer transferir essa pressa a você.

Lembre-se de que o texto digitado não possui a carga emocional de atitudes e fisionomias que caracterizam a comunicação pessoal. Uma solicitação pode ser interpretada como uma cobrança ou bronca se a mensagem não for clara. Eventualmente, se houver intimidade, os emoticons podem substituir a ausência de um sorriso, mas use-os com moderação. Ainda assim, nada substitui o contato pessoal. Se um email, SMS ou mensagem no Facebook não resolver, telefone!

Com a popularização da internet, os e-mails passaram a ter cada vez mais importância na vida das pessoas, seja para ser usado para fins pessoais ou profissionais. Ao escrever uma mensagem para alguém, tente ser o mais breve e direto possível e não deixe margem para a má interpretação de seu texto. Se ele for muito longo ou o assunto for importante, ligue!

Ao enviar um e-mail para múltiplos destinatários, lembre-se sempre de colocar todos os endereços no campo de cópia oculta (CCO ou BCC se for inglês). Isso protege os seus contatos e torna a mensagem mais pessoal. Ao responder mensagens que foram encaminhadas para muitos destinatários, verifique se é mesmo necessário responder a todos, ou se basta responder apenas àquele que criou a mensagem original.

Evite enviar anexos muito grandes. A maioria dos sistemas de mensagens eletrônicas e conexões de internet permitem com segurança anexos de até 5 megabites. Caso precise enviar arquivos maiores do que isso, aprendar a subir o arquivo para a nuvem e mande o link para download. Ou peça a autorização do destinatário antes de entupir a caixa postal dele.

Confirme sempre o recebimento dos e-mails importantes. Existe um axioma do nosso Método que diz categoricamente: e-mail não funciona. Jamais assuma que o destinatário leu sua mensagem. Muito pior do que isso é ficar nervoso com os demais pela sua falta nesse cuidado.

Se for viajar, lembre-se de programar uma resposta automática avisando que está saindo de férias. Notifique o período que estiver fora e diga que responderá assim que possível.

Finalmente, fique atento: atualmente e-mails podem ser utilizados como documentação de acordos e conversas, até mesmo judicialmente. Portanto, evite enviar textos se estiver muito emocionado. Você pode se arrepender disso no futuro.

Vernon Maraschin – Instrutor do Método DeRose – Diretor da Unidade Vila Madalena

________________

A Flávia Penido, em uma de minhas redes, acrescentou: “Faltou: nunca, nunca mande mensagens privadas no Facebook com milhares de pessoas como destinatário. isso é deselegante.” Alessandro Martins.

________________

Utilizar CAIXA ALTA no texto de mensagens é deselegante, pois indica que você está aos BERROS com a outra parte! Parece óbvio, mas é oportuno lembrar.

Instr. Itamar Campos
Unidade Dom Luis – Fortaleza/CE