quinta-feira, 19 de março de 2009 | Autor:

Barato sai caro

Cuidado com produtos baratos. O colega Edgardo Caramella sempre conta que o pai dele costumava comprar sapatos caros e quando alguém questionava o gasto, ele respondia: “Não sou rico para comprar sapatos baratos.” Explicação: sapatos baratos não duram e é preciso comprar outros e outros, enquanto que uns sapatos de boa qualidade duram décadas. Por outro lado, geralmente, os produtos muito baratos foram fabricados usando trabalho de imigrantes ilegais que tiveram de se sujeitar a condições desumanas e mal remuneradas. Muitos desses produtos provieram de mão-de-obra escrava ou de exploração infantil. Comprar produtos dessas procedências é o mesmo que ser cúmplice dessas circunstâncias.