sexta-feira, 1 de Março de 2013 | Autor:

Querido DeRose,

Em nome da equipe da Unidade Santos e dos desabrigados de Cubatão, agradeço pela divulgação desta ação através de seu blog. Sei que trata-se de um veîculo de comunicação visitado por pessoas do mundo todo e acredito que conseguiremos uma quantidade ainda maior de doações.

Aproveitando para atualizar a situação das mais de MIL E QUATROCENTAS FAMÍLIAS DESABRIGADAS, os donativos de roupas, alimentos, cobertores e colchões já são suficiente. No momento, estamos precisando de itens de higiene pessoal tais como sabonetes, escovas e pastas de dente, absorventes íntimos e etcaetra. Fraldas descartáveis também são desejáveis.

Desnecessário explicitar que esta ação não tem a intenção de buscar qualquer tipo de reconhecimento, trata-se apenas de fazer aquilo que deve ser feito – nada diferente daquilo que Nossa Cultura promulga.

Mais uma vez obrigado. SwáSthya!

——————–
Pedro Gabriel
yôgin – Unidade Santos

______________________________

Olá Mestre!!

Realmente, as chuvas que atingiram a região da Baixada Santista desde a última sexta-feira (22/02) deixaram muitos estragos não só em Cubatão, mas em todas as cidades.
As pessoas demoraram horas para chegar em suas casas, a viagem entre São Paulo e a região, nos dois sentidos, demorou, em alguns casos mais de 12 horas.
Todos estão comovidos com o “clima de solidariedade” e o mais importante agora, é dar apoio àqueles que perderam aquilo que levaram a vida toda para conseguir.
Agradecemos que, por forças alheias às nossas, foram poucas vítimas fatais, tendo em vista o tamanho do estrago e nesse momento, a defesa civil e as entidades que estão apoiando a região precisam, principalmente, de itens de higiene pessoal e, creio eu, comida para os anjinhos peludos!

Nesse momento, utilizemos de forma exemplar, assim como o querido Pedro Gabriel o fez, os nossos veículos de comunicação para uma boa causa!

Compartilhemos isso!!

Um grande carinho!

Thammy
Unidade Santos

 

 

sexta-feira, 14 de setembro de 2012 | Autor:


Desde o início do nosso trabalho na década de 1960 até o momento em que escrevo, a concorrência com dor de cotovelo envia cartas anônimas difamatórias (só por ser anônimos esses ataques ficam sem credibilidade) e dossiês falsos com dados adulterados para todos os lugares que eu frequento e para todas as instituições onde leciono. Nunca isso conseguiu me prejudicar, haja vista a quantidade de universidades em que ministro cursos há mais de 40 anos e a quantidade de honrarias que recebo de entidades governamentais, culturais, humanitárias, acadêmicas e outras.

Nosso trabalho tem se fortalecido tanto com esse dossiê que já há a suspeita de que foi algum admirador nosso que o postou como estratégia para aumentar a admiração pelo nosso trabalho e causar repúdio aos que nos atacam.

Mas não foi nenhum admirador. Foi uma anta! Pois não percebeu como isso seria bom para nós. Ou, se percebeu, a inveja era tanta que o concorrente em questão não conseguiu resistir e postou assim mesmo. Agora deve estar se mordendo com os resultados a nosso favor.

Não percebem que cada vez que cometem essa baixeza, tornam-me mais forte perante as pessoas e entidades, pois todos consideram tal atitude tão indigna que passam a simpatizar muito mais comigo e a me oferecer mais solidariedade. Os resultados têm sido tão bons que já estou cogitando de distribuir eu mesmo o bendito arquivo.

Portanto, meu eloquente agradecimento a todos esses apoiadores anônimos.

terça-feira, 18 de outubro de 2011 | Autor:

Enviado por Gustavo Cardoso, de Londres:

Tomasz Jeschke, um padre católico austríaco, escreveu uma carta ao Papa, rezando para a instituição da Igreja não ficar em silêncio quanto ao sofrimento dos animais. No dia 4 de Outubro, o dia de São Francisco de Assis, Tomasz Jeschke esteve em frente ao Vaticano, para abençoar os animais, e em seguida entregar sua carta ao Papa. Sem resposta, o padre jejuou por dois dias na Praça São Pedro, em solidariedade aos animais que são todos os dias mortos, torturados e negligenciados por todo o mundo. O Papa não o recebeu e o Padre volta para a sua cruzada. Quem quiser acompanhar seu esforço de Tomasz em prol dos animais pode acessar seu site enviar ou até mesmo enviar uma mensagem de apoio.
Site do Padre (com opção em Português): http://www.animalpastor.eu
E-mail do Padre para encorajá-lo a continuar: tom@animalpastor.eu

Que ele saiba que ele não está sozinho!!!

“Pai Santo, não podemos ignorar! Estou profundamente preocupado com o destino dos animais nossos irmãos e irmãs, com a minha carta de 2011/01/02, orei ao Vaticano (Papa Bento XVI) para uma reflexão coletiva. Não tendo recebido qualquer resposta, decidi dirigir-me a Roma. A 04 de outubro (dia de São Francisco de Assis) vou sentar-me no Vaticano, Praça de São Pedro, e abençoar os animais que passam. Não podemos continuar a ignorar, está na hora de dar um sinal claro: nós devemos isso a nossos irmãos e irmãs, os animais . Esta é a razão para a minha visita a Roma. Atrás de mim não existe nenhuma organização, nenhuma pessoa privada. A minha é uma ‘reação’ espontânea, é preciso um coração de grande preocupação para os nossos irmãos e irmãs, os animais.”

https://www.facebook.com/Cadeia2010?sk=wall

sábado, 13 de agosto de 2011 | Autor:

Querido Dê!

Evito muito pedir ajuda, tanto a você quanto aos demais de nossa família, por entender que tudo aquilo que preciso é alcançável com esforço próprio. Hoje, porém, sinto que preciso muito pedir auxílio a todos.

Há tempos um casal de amigos meus passa por grandes dificuldades em seu lar. Sua filha, Isadora, tem câncer no cérebro. Depois que os médicos em Florianópolis perderam as esperanças, o casal conseguiu levá-la para São Paulo fazer tratamento no Sírio Libanês.

Isso, porém, é muito mais oneroso do que o orçamento deles permite, então começamos uma verdadeira maratona de solidariedade. Doações tem feito eles conseguirem manter a filha em São Paulo, fazer o tratamento etc. Mas torna-se cada vez mais difícil até mesmo quitar as despesas de hospedagem e alimentação.

Por isso, peço que divulgues aqui em seu blog.

Blog com informações e formas de ajudar:
http://forcaisadora.blogspot.com/

Página do Facebook atualizada diariamente:
https://www.facebook.com/groups/237551579608026/#!/groups/ajudeaisadora/

Muito obrigado, Dê, tudo que pudermos fazer para ajudar essa família fará uma grande diferença.

Caio Melo

__________________

Você fez muito bem em acionar a egrégora. O poder gregário existe para isso mesmo. Vou divulgar no blog, vou divulgar nas minhas aulas e vou fazer mentalizações em grupo pela Isadora. Conte comigo. DeRose.

quinta-feira, 7 de julho de 2011 | Autor:

Meus cumprimentos à Instrutora Terezinha Dias por se prontificar a efetuar os controles das contribuições voluntárias ao FDI na Europa. E também meu reconhecimento e congratulações aos diretores que se engajaram no compromisso ao FDI! Fiquei orgulhoso de todos vocês e redobrei minha admiração àqueles que estão participando.

O Prof.  Charles dará o curso “Fazer acontecer”, com a renda toda revertida para para o FDI. Parabéns, Charles! Grande exemplo de colaboração e sentimento de solidariedade.

Inscrições pelo telefone (11) 5093-2019
Local: Unidade Brooklin, sábado, 16 de julho – 16h
Aberto ao público

 

segunda-feira, 9 de Maio de 2011 | Autor:

Em colaboração com a Defesa Civil e com o Governo do Estado de São Paulo, os instrutores e alunos do Método DeRose se engajaram em uma campanha permanente pelo civismo e pela responsabilidade social. Buscamos participar de todas as ações promovidas pelo Governo Federal, pelos Governos Estaduais e pelas entidades humanitárias e assistenciais de vários estados do Brasil e de diversos países onde atuamos.

Uma dessas ações é a Campanha do Agasalho, para a qual trabalhamos todos os anos, junto ao Fundo Social pela Solidariedade. Conforme consta em um capítulo do nosso livro Programa do Curso Básico, desde o início do ano nossos instrutores e alunos estão alertados para deflagrar nossa força de arrecadação de agasalhos a partir de maio e terminando em junho.

Pois bem, foi dada a partida. Todas as nossas Unidades do Estado de São Paulo estão em ação para arrecadar o máximo possível de agasalhos no menor período de tempo possível. Não adianta chegarmos à Defesa Civil com os agasalhos depois que o inverno já estiver impondo seus rigores aos desvalidos.

Você pode ajudar fazendo uma arrumação nos seus armários e trazendo a qualquer uma das nossas escolas todos os agasalhos e cobertas que possa doar.

Você pode ajudar enviando e-mails e mensagens aos seus amigos, parentes, clientes, colegas de trabalho ou de faculdade e incentivando-os a trazer os agasalhos a alguma das nossas escolas.

Você pode ajudar oferecendo o seu tempo e participando ativamente das equipes que vão buscar e levar as caixas e demais trabalhos que precisam de voluntários.

Você pode ajudar conseguindo caminhões, faixas e alto-falantes para que realizemos ações nas ruas residenciais dos bairros, a fim de que as pessoas nos escutem de dentro dos seus apartamentos e atirem os agasalhos nos caminhões, como temos feito em anos anteriores. Isto dá muito resultado.

Você pode ajudar conseguindo que condomínios, prédios, empresas, clubes, academias, escolas permitam a colocação das nossas caixas de arrecadação.

Mas preciso que você reaja rápido.

Cada um ajuda como pode. Quem tem tempo, doa seu trabalho. Quem tem disponibilidade, efetua doações. O que importa é que estamos despertando nos jovens e em todos os nossos alunos a satisfação de sentirem-se úteis e, portanto, participantes da comunidade. Isto está em perfeita coerência com as propostas do Método DeRose.

 

 


Jonatas De Camargo

Oi Mestrão,

Vai uma sugestão que deu certo aqui. Levei duas caixas para o meu condomínio e coloquei uma em cada bloco e em dez dias as doações encheram as duas caixas. Fiquei muito feliz e agora estou tentando colocar no condomínio onde moram meus pais que é muito maior e deve ter muito mais doações.
Espalhem as caixas muitas pessoas tem roupas, cobertores e outros para doar e às vezes não sabem como fazer.

Um Mahá abraço,
Jonatas
Unidade Alto da Lapa
São Paulo

 

Nilzo Andrade Jr.

Mestrão, em Curitiba temos uma parceria que perdura por 8 anos com o IPCC (Instituto Pró-Cidadania de Curitiba), que é um órgão da FAS (Fundação de Assistência Social), comandada pela Primeira Dama da cidade Fernanda Richa. Estabelecemos uma logística de tal forma que os agasalhos são distribuídos tão logo sejam arrecados, chegando rapidamente aos necessitados.

Além de nossas escolas, coletamos também com caixas que disponibilizamos em nossos prédios vizinhos.
É um trabalho maduro, que tem gerado muita abertura e um excelente relacionamento com a prefeitura de nossa cidade, além do reconhecimento de que fazemos um trabalho sério e bom.

Mas a satisfação maior é entender o nosso papel na sociedade e principalmente gerar um pouco de conforto a quem precisa.

 

lerivan

Lembro-me de já ter ido bater de casa em casa arrecando agasalhos, conseguimos mais de 1.000 peças naquele ano. Não basta fazer só um ano, temos que fazer sempre e vou ser um dos primeiros a dar um gás na Campanha aqui na nossa Unidade.

Lerivan Ribeiro – Floripa – SC

Oi Mestre,

Hoje está bem frio aqui em sampa e nesse exato momento acabei de receber uma moradora de rua de 19 anos pedindo um agasalho para se proteger do frio.

Os poucos instantes que interagi com a menina deu para entender a sua realidade e me propus a procurar na caixa de agasalhos da Unidade Paes de Barros, que está cheia, e
me deparei com meias, sapatos, bermudas e pasmem… nenhum agasalho de frio!

Vesti a carapuça! Pois não parei um minuto para separar os meus agasalhos.
Por isso peço aos amigos da egrégora que colaborem efetivamente com a campanha doando agasalhos

Conto com a ação de todos.
beijos.


Leia mais »

terça-feira, 18 de Maio de 2010 | Autor:

Olá Mestre,

Como é bom entrar em contacto consigo!
Mentalizo oceanos azuis de energia, força e vitalidade para si e para toda a egrégora!

Gostaria de aproveitar o ensejo para divulgar uma campanha de solidariedade de renome mundial: A Marcha Mundial contra a Fome – Walk the World é uma manifestação global destinada a promover a sensibilização e recolha de fundos para as acções do Programa Alimentar Mundial das Nações Unidas, que luta contra a fome infantil.

O evento decorre durante 24 horas, em todos os fusos horários, com o objectivo de erradicar a fome e a pobreza extrema no mundo até 2015, conforme a Campanha do Milénio das Nações Unidas.

Neste âmbito, o Método DeRose dá apoio à iniciativa desenvolvida em Portugal através da empresa TNT.

Haverá aula e coreografias do Método DeRose a partir das 9h (hora local).

Apelo a toda a nossa querida egrégora que prestigie este evento com a sua presença, tornando este evento ainda mais significativo!

“Juntos vamos mais longe.”

Domingo, 6 de Junho às 10 horas

Lisboa => Torre de Belém / Docas

Porto => Cais de Gaia / Passeio Alegre

Para visualizar o vídeo promocional, ver aqui:

Beijos e abraços,

Instr. Mário Vendas
http://www.MetodoDeRoseCampoAlegre.com
Leia mais »

Equipe de Desenvolvimento:

Daniel Cambría   |   Coordenação Geral https://www.facebook.com/danielcambria

Tiago Pimentel   |   Layout & Identidade Visual https://www.facebook.com/tiagopimentel https://www.flickr.com/designinabox

Alex William   |   Programação Visual (Front End) https://www.facebook.com/alex.brasileiro https://www.artinblog.com

Douglas Gonzalez   |   Programação Back End https://www.facebook.com/douglas.s.gonzalez

Visite o Office em facebook.com/officemetododerose