segunda-feira, 17 de janeiro de 2011 | Autor:

Agradeço aos amigos, alunos, instrutores e leitores do nosso blog que reagiram com Ritmo DeRose, tomando providências para apoio à Defesa Civil, conforme consta abaixo:

………………….

Mestre, seguimos com os esforços para reunir doativos. Vão aqui mais três dicas importantes:

– Tornem-se seguidores no Facebook de #minhaajudasuacasa. Conheço alguns integrantes do grupo, que já juntou mais de 200 toneladas de donativos no Parque das Patins, na Lagoa. Eles têm enviado constantemente atualizações sobre o que é mais importante doar. Os últimos pedidos incluem água, material de limpeza, kits de primeiros socorros e seus componentes (gaze, esparadrapo, bandagens etc.), descartáveis (copos, talheres, pratos).

– Para quem quer doar dinheiro: a Fundação Vale se comprometeu a doar R$2,00 para cada R$1,00 depositado na conta abaixo:
Banco do Brasil (001)
Titular: Fundação Vale
Agencia: 1755-8
Conta: 6484-6
CNPJ: 33.896.291/0001-05

– Rações para gatos e cachorros! Vejam a notícia no link, é de partir o coração. http://noticias.uol.com.br/cotidiano/2011/01/18/canis-com-mais-de-700-cachorros-ilhados-sofrem-com-falta-de-comida-e-medicamento-em-nova-friburgo.jhtm

As Unidades do Rio continuam a receber as doações. E é essencial lembrar que as cidades continuarão a precisar de muita ajuda, mesmo depois de passado este período crítico e a grande atenção da mídia.

Beijos!

Bruno

____________________

Em apoio a iniciativa da Federação do Método DeROSE de São Paulo iniciamos a camapanha de arrecadação aqui na sede Pinheiros também.

Eis o comunicado que enviamos ao alunos:

Clique na imagem para ampliá-la.

____________________

Oi Mestrinho

Aqui no sul nos mobilizamos também e estamos recebendo doações em toda Porto Alegre.
Enviaremos a Cruz Vermelha, que se encarregará de enviar ao Rj.

Foi pela iniciativa da Federação de SP que tomamos a frente pela Federação do RS para ajudarmos também por aqui.

Quem for da cidade ou do Estado pode passar na Federação, sediada na Rua Ramiro Barcelo, 1800, Unidade Rio Branco e fazer sua doação.

Bjinhos
Che

____________________

Querido Mestre.

Nossa Escola está iniciando também uma mobilização junto à Federação para ajudar as vítimas da tragédia do Rio, e gostaria de disseminar essa campanha por toda a Rede.

Se cada Escola ajudar, seremos um exército em prol dessas pessoas tão necessitadas nesse momento terrível de perda de todos os bens materiais, mas principalmente de muitos familiares.

Envio abaixo o artigo escrito pela Instrutora Mila Bocchese, da Unidade Kobrasol, chamando a todos para mais esta ação efetiva.

Um forte abraço.

DeBona

—————–

Queridos amigos e colegas.

Não gostaríamos de estar enviando este e-mail logo no início de um novo ano, mas infelizmente a situação pede que nós, Instrutores e alunos do Método DeRose, descruzemos os braços e façamos algo para ajudar as vítimas da tragédia do Rio de Janeiro neste momento tão sofrido.

Não só por perdas materiais, mas principalmente pela quantidade imensa de parentes, amigos, conhecidos e vizinhos que todos perderam nesta tragédia que chegou de surpresa na escuridão da noite carioca.

Recentemente nosso Estado também foi assolado por um cataclismo similar e recebemos muita ajuda de todo o País. Agora é nossa vez de contribuir. Sozinhos não somos ninguém , mas juntos podemos ajudar muitas pessoas.

Leve até a Unidade do Método DeRose mais próxima alimentos não perecíveis, água potável, material de limpeza, higiene pessoal e roupas, para que possamos enviar para o Rio e ajudar nossos irmãos que passam por necessidades.

Vamos agir rápido, no Ritmo DeRose, para que essas pessoas voltem a sorrir o mais breve possível, apesar das perdas irreparáveis.

Se quiser algo que lhe faça mover-se mais rápido para ajudar, entre neste link:
http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/fotos/2011/01/veja-fotos-dos-estragos-causados-pela-chuva-no-rj.html

Um grande beijo.

Intrª. Mila Bocchese
http://www.MetodoDeRoseKobrasol.org
veja-fotos-dos-estragos-causados-pela-chuva-no-rj.html

___________________

Olá querido!

Em meio a esse cenário de tristeza, estamos juntando as energias para colaborar… seja dando apoio a alguns alunos que tiveram suas casas na serra danificadas e conhecidos entre os desaparecidos, seja através da ação propriamente efetiva.

Dessa forma, já nos organizamos nas escolas para facilitar a entrega de donativos aos desabrigados.

Inclusive, nossa aula aberta na Lagoa Rodrigo de Freitas (havendo condições meterológicas para isso) neste domingo às 9h30, também será um ponto de arrecadação.

Segue cópia do e-mail enviado a todo da Federação do RJ.

Solidariedade com os desabrigados da Região Serrana do Rio

Vários orgãos governamentais estão recolhendo doações para ajudar as vítimas das chuvas na Região Serrana do Rio de Janeiro.
A intenção é arrecadar alimentos não-perecíveis, água, roupas, roupas de cama e banho, colchonetes para serem doados aos mais de 14.000 desabrigados.

Para facilitar isso as escolas do Método DeRose no Rio receberão esses donativos e entregarão no posto de coleta mais próximo. Basta passar em uma das nossas escolas para encaminhar a sua colaboração:

Copacabana – Av. Nossa Senhora de Copacabana, 583 / 306 2255-4243
Downtown – Av. das Américas, 500 Bl. 9, Cob. 311 – Barra da Tijuca – 2493-2585
Leblon – R. Dias Ferreira, 259 – Cob. – 2259-8243

Contamos com a sua ajuda!
Obrigado,
Equipe do Método DeRose no RJ
http://www.MetodoDeRoseRJ.com

Aproveito para agradecer as iniciativas que já estão acontecendo por parte das outras Federações e pedir a colaboração de todos nessa que já se configura, infelizmente, como a pior tragédia climática acontecida no nosso país.

Esse é um momento especial para exercemos nossa cidadania e solidariedade!

Beijinhos com todo carinho,
Aninha

__________________

Oi Mestrinho, encaminho aqui o site da Secretaria de Desenvolvimento Social do Estado de São Paulo que receberá donativos para as vítimas das chuvas na região serrana do Rio de Janeiro e nos municípios paulistas também afetados pelas enchentes.

Como nossa egrégora segue seu exemplo em fazer acontecer e no ritmo DeRose, peço a gentileza da divulgação.

Obrigada e grande beijo

http://www.desenvolvimentosocial.sp.gov.br/sis/lenoticia.php?id=997

__________________

Oi Mestrão,

S.O.S – Rio de Janeiro

Olá queridos amigos, estamos iníciando uma Campanha de auxilio ao desastre do estado do Rio de Janeiro.

A partir de hoje 15 de janeiro, estamos colocando a Federação de São Paulo do Método DeROSE como posto de arrecadação de alimentos não perecíveis, roupas e água potavel.

Um grande beijo.

Thiago Arruda
Alameda Jauaperi 1245 – Moema/SP

__________________

Locais que estão recebendo doações:
Cruz Vermelha – Praça da Cruz Vermelha, 10 – Centro do Rio.
Estão sendo arrecadados: água mineral, alimentos de pronto consumo (massas e sopas desidratadas, biscoitos, cereais), leite em pó, colchões, roupa de cama e banho e cobertores.

Prefeitura de Petrópolis – Igreja Wesleyana; Igreja de Santa Luzia; Sede da Secretaria de Trabalho, Ação Social e Cidadania.

Os três postos arrecadam doações de água, colchões e materiais de limpeza e higiene pessoal.

Prefeitura de Teresópolis – Ginásio Pedrão – Rua Tenente Luiz Meirelles, 211 – Várzea.

Estão sendo arrecadados: alimentos, roupas, cobertores, colchonetes e itens de higiene pessoal.

Uma conta corrente também recebe doações para ajudar as famílias atingidas pelo temporal. Nome da conta: “SOS Teresópolis – donativos”.

Agência: 0741 (Banco do Brasil) – Conta: 110000-9.

Rodovia BR-040 – Concer – Praças de pedágio da BR-040 situadas em Duque de Caxias (km 104), Areal (km 45) e Simão Pereira (km 816), além da sede da empresa (km 110/JF, em Caxias).

A Concer pede que sejam doados, preferencialmente, água mineral, produtos de higiene pessoal e de limpeza, roupas de cama, mesa e banho, além de colchonetes. Nas praças de pedágio, as doações podem ser entregues nos postos do serviço de informação ao usuário da rodovia, que funcionam de segunda a segunda, 24 horas por dia.

Hemorio – Rua Frei Caneca, 8 – Centro do Rio – Das 7h às 18h.

O Hemorio pede que as pessoas doem sangue para as vítimas das chuvas. Os estoques estão quase zerados. Friburgo e Teresópolis solicitaram 300 bolsas, mas o Hemorio não tem como atender.

Pode doar sangue quem tiver entre 18 e 65 anos, mais de 50 quilos e estiver bem de saúde. Basta levar um documento oficial de identidade com foto.

Informações e agendamento pelo disque sangue 0800-282-0708.

Supermercados – Grupo Pão de Açúcar

Postos de coleta foram montados pela empresa em todas as suas 100 lojas das redes Pão de Açúcar, ABC Comprebem, Sendas, Extra e Assaí, em todo o estado Rio de Janeiro para que os clientes possam cooperar com doações de alimentos não perecíveis, roupas e cobertores. A ação acontece até o dia 26 de janeiro.

Polícia Rodoviária Federal – Ver postos abaixo.

Maior necessidade é por água, leite em pó, materiais de higiene e limpeza e colchões.

Postos da PRF que receberão doações:

BR-116: KM 133 (Doações 24 horas)
BR-101: KM 269 (Doações 24 horas)
BR-040: KM 109 (Doações das 8h às 17h)
BR-116: KM 227 (Doações das 8h às 17h)
Rodoviária Novo Rio – Avenida Francisco Bicalho, 1 – Santo Cristo.
A Rodoviária Novo Rio recebe doações para a Cruz Vermelha. Os donativos são recebidos no embarque inferior, das 9 às 17 horas.
Polícia Militar – Todos os batalhões da Polícia Militar do estado serão centros de recepção de doações.
Comandantes dos batalhões recomendam que sejam doados água mineral, alimentos não perecíveis e material de higiene pessoal.

Fonte: http://g1.globo.com/bom-dia-brasil/noticia/2011/01/veja-como-ajudar-vitimas-das-chuvas-na-regiao-serrana-do-rj.html

__________________

Neste momento , de intenso sofrimento das populações de diversas cidades brasileiras atingidas pelas enchentes , nós da Diretoria da SASDE convocamos, aos que puderem, trazer ou mandar trazer aqui para sede da SASDE seus donativos que serão encaminhados á CRUZ VERMELHA , Instituição que nós da SASDE já trabalhamos juntos este ano e estes donativos serão encaminhados Por ela aos necessitados
Desde já nossos agradecimentos pela ajuda aos nossos patrícios atingidos por toda esta calamidade .
Deus os abençoe pelo gesto humanitário.

Cel Edvard Cavalcanti Leite –em nome da Diretoria Executiva e dos Conselhos


Brasil! Acima de tudo!

Sociedade Amigos da 2ª Divisão de Exército
http://www.sasde.com.brsasde2@gmail.com
Tel: (11)3884-7782
Fax:(11) 3888-5381

__________________

É isso ai, se cada um ajudar pôde-se realizar e muito.

Só acrescentando uma informação, para quem quiser ajudar com um depósito na conta de auxílio aos vitimados, o digito verificador da agência do Banco do Brasil é: 2.

Fica Assim:
Agência:0741-2
Conta:110000-9
Nome:SOS TERESOPOLIS DONATIVOS

Abraços
Everton

__________________

Oi Pessoal, em Curitiba também estamos nos movimentando para ajudar.

Quem quiser poder trazer suas doações na Unidade Centro Cívico, que nos encarregaremos de repassar à Cruz Vermelha.

Mais informações no nosso blog: http://derosecentrocivico.org/blog/?p=5751

Abraços,

Ric Poli e Equipe.

__________________

O Grande Oriente de São Paulo estará aberto hoje dia 17/01 (2ªf) até 17h para receber doações aos desabrigado do Rio de Janeiro e Franco da Rocha. Rua São Joaquim, 457 – Liberdade – São Paulo/Capital

segunda-feira, 25 de outubro de 2010 | Autor:

Desde 1980, quando eu próprio tive moto, venho alertando para o perigo de usar esse tipo de veículo. Vi a morte de perto várias vezes e só não morri porque me desfiz da moto antes que ocorresse a tragédia. A vez mais patética em que quase morri foi um dia em que vinha transitando em velocidade de cruzeiro e senti uma ferroada lancinante no meio das costas. O susto e a dor quase me fizeram perder o controle da moto e ir contra os outros veículos que vinham em sentido oposto. Somadas as velocidades da minha moto e do outro automóvel, teria sido um choque de  quase duzentos quilômetros por hora. Não sobraria nada do DeRose para contar a história do Yôga Pré-Clássico. Nenhum dos livros mais importantes teria sido escrito. Você não estaria praticando o Método. Nenhum dos instrutores atuais teria se formado. Encostei a moto às pressas, tirei o capacete, tirei as luvas, tirei a jaqueta de couro, tirei a camisa e a Eliane Lobato, que vinha no carro atrás de mim, foi ver o que tinha ocorrido. Uma vespa havia entrado por baixo da “armadura” e foi me picar logo na parte mais inacessível. Eu teria partido para o Oriente Eterno pela razão mais estúpida.

Fiquei com a moto por um ano no Rio de Janeiro e um ano em São Paulo. Inevitavelmente, fiz amizade com vários outros amantes das duas rodas. Quase toda semana, recebia a notícia de que outro motociclista conhecido havia morrido. Cada vez que comigo ocorria um quase, eu parava para repensar as vantagens e desvantagens da moto. Até que um dia fui fazer umas fotos para ilustrar a reportagem de uma revista. Chegando ao estúdio de capacete debaixo do braço, o fotógrafo me perguntou: “Você é motociclista? Deixe eu te mostrar umas fotos.” E passou a me mostrar as imagens de um grupo que saíra para um passeio de moto do qual o fotógrafo participara. “Veja este casal. Não são lindos os dois?” Realmente, eram dois espécimens de se admirar. “Veja agora esta foto.” Lá estavam os dois estendidos no asfalto, ensanguentados, mortos. Com capacete e tudo.

Nesse dia, parei. Desde então, tenho alertado a todos a respeito da insanidade que é andar em um veículo cujo parachoque é o condutor. Mas não tenho sido escutado, porque o apelo da moto sobre a mente humana é muito sedutor. Agora é norma para os instrutores. Moto está repudiada pelo Método, categoricamente, definitivamente.

segunda-feira, 27 de setembro de 2010 | Autor:

Fique esperto. Acabamos de desmascarar mais um infiltrado querendo se fazer passar por um dos nossos. Não faça papel de bobo e não sirva de ponte para que pessoas mal-intencionadas vampirizem nossa família. Não aceite ninguém que você não conheça pessoalmente ou de quem você não tenha referências confiáveis. E, em todos os contatos, confira para confirmar que não esteja utilizando falsamente o nome de algum colega.

Essas pessoas são muito pouco inteligentes, pois gastam um tempo enorme em que poderiam estar ganhando dinheiro e o desperdiçam pesquisando nomes, fotos e acontecimentos para construir uma personalidade fake. E tudo isso para ser desmascarados logo na primeira tentativa de penetrar nossa egrégora. Só seria eventualmente iludido quem não tivesse nenhuma informação útil a passar ao vigarista. À medida que os instrutores (e mesmo os alunos) vão subindo na escala evolutiva, vão ficando cada vez mais alertas contra essas tentativas sistemáticas.

E aí reside outra desinteligência desses elementos sem escrúpulos: como os ataques são sistemáticos, eles estão nos treinando todo o tempo e nós estamos ficando cada vez mais atentos.

terça-feira, 29 de junho de 2010 | Autor:

Roberto

Grande Mestre !!

Achei que o link anexo possa ajudar na visão da necessidade de mudanças em diferentes
áreas, para continuar vivo e não sucumbir. Fica a seu critério publicar ou não.

http://blogs.estadao.com.br/ethevaldo-siqueira/

Abraços !!

Roberto
Ctba/Pr
Leia mais »

quarta-feira, 14 de abril de 2010 | Autor:

Todos nós, Diretores, instrutores e alunos, precisamos estar atentos 24 horas por dia em ter como prioridade AAA a missão de cativar as pessoas. O ser humano não é um ente intelectual e sim emocional. Nossos familiares, amigos, colegas, conhecidos e desconhecidos vão aceitar a Nossa Cultura, respeitar nossa proposta de vida e falar bem de nós só se gostarem de nós.  Não importa se o nosso trabalho é tão bem-intencionado, se é sério, se produz tão bons resultados para os praticantes ou se proporciona tão boas consequências para a sociedade. Se as pessoas não gostarem de você elas vão se opor à Nossa Cultura.

Em nome do nosso Método e da nossa Marca, sua missão é estar (como os escoteiros) “sempre alerta” para que todas as pessoas com quem se relacionar gostem de você. Gostem de nós. TODAS. Isso inclui o porteiro do seu prédio, o carteiro, o lixeiro, o vizinho, o cliente, o fornecedor, o colega de escritório, de faculdade, de esporte, a fofoqueira, o amigo, o desamigo e o desconhecido com quem você cruza na rua. Nossa missão é fazer com que todos gostem de nós.

Precisamos ser (ainda mais) polidos, honestos, éticos, simpáticos, comunicativos, descomplicados e jamais, jamais mesmo, criar caso com quem quer que seja. O que é que custa dar bom dia para todo o mundo e sorrir para alguém que não conheça no supermercado?

Seja prestativo, ajude as pessoas desinteressadamente, esteja sempre disponível para todos, seja paciente e amoroso com toda a gente. Você vai descobrir uma satisfação inusitada em se dedicar a isso como razão maior na sua vida. Basta estar atento.

Logo, logo você cultivará um reflexo de olhar para uma pessoa e querer cativá-la. É tão bom!
Leia mais »

quarta-feira, 3 de junho de 2009 | Autor:

Marco Santos

Caro Mestre,

ainda sobre questões ambientais, não sei se tem conhecimento deste evento, envio link do meu blog Alerta: http://alerta.blogspot.com/2009/06/home-dia-5-de-junho.html

Parece-me uma iniciativa louvável, logo, não quis deixar de partilhar com a egrégora.

Beijos e abraços deste lusitano país.

Equipe de Desenvolvimento:

Daniel Cambría   |   Coordenação Geral https://www.facebook.com/danielcambria

Tiago Pimentel   |   Layout & Identidade Visual https://www.facebook.com/tiagopimentel https://www.flickr.com/designinabox

Alex William   |   Programação Visual (Front End) https://www.facebook.com/alex.brasileiro https://www.artinblog.com

Douglas Gonzalez   |   Programação Back End https://www.facebook.com/douglas.s.gonzalez

Visite o Office em facebook.com/officemetododerose