domingo, 17 de fevereiro de 2019 | Autor:

As filosofias indianas mais conhecidas são do tronco medieval (espiritualista e restritivo). Uma característica dessa linhagem é o esforço para aniquilar o ego. Isso confunde muito os nossos praticantes (e até instrutores), pois esse conceito está muito difundido na Índia de hoje e na literatura que proveio de lá. Nossos estudantes travam contato, de alguma maneira, com a bibliografia que prega a aniquilação do ego e barafundam-na com as propostas do DeRose Method.

Quando alguém nos desagrada, a atitude mais primária é querer livrar-nos da pessoa, ao invés de administrar o relacionamento e torná-lo produtivo. Quando um animal é indomável, a solução primitiva é castrá-lo. Assim fazem as correntes medievais com o ego.

Nossa linhagem, tem outra opinião. Nós entendemos que o ego é uma ferramenta importante do ser humano. Não queremos acabar com o ego. Ao contrário. Nosso Método de trabalho atua no sentido de reforçar o ego para poder utilizar sua colossal força de realização.

Anular o ego seria como castrar um animal de montaria e depois utilizá-lo, caminhando cabisbaixo, sem libido. Trabalhar o ego equivale a domar e montar um macho andaluz “inteiro”, fogoso, orgulhoso, com sua cabeça erguida e suas passadas viris. Sua montaria é o ego. Você prefere montar um pangaré derrotado ou um elegante garanhão?

Castrar o ego seria fácil demais. Domá-lo[1], isso sim é uma empreitada que requer coragem e muita disciplina. Adestrá-lo denota coragem e disposição para a luta.

O DeRose Method, não propõe que você seja castrado. Ele reforça sua libido e o seu ego. Em seguida, canaliza essa força resultante para fins construtivos. Ter ego não é o problema. Tê-lo deseducado, selvagem, incivilizado, criador de casos e de conflitos com as outras pessoas, esse é o grande inconveniente que poderá destruir a sua carreira profissional, seu relacionamento afetivo e as suas amizades.

Portanto, no lugar de envidar esforços para destruir, vamos investir em algo construtivo. Nada de destruir o ego. Vamos cultivá-lo, com disciplina e a noção realista de que precisamos dele para a nossa realização pessoal, profissional e evolutiva.

No DeRose Methodqueremos gente forte, com um ego poderoso, mas educado.


[1] Domar, no sentido aplicado pelo Monty Roberts Method – https://www.montyroberts.com/tag/training-methods/

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2019 | Autor:

Na véspera de seu aniversário de 75 anos, o Professor DeRose reunirá mais de 2.000 alunos para comemorar a data. Uma aula técnica será ministrada em um evento simultâneo transmitido dos Estados Unidos para o Brasil, Argentina, Chile, Portugal, Espanha, Itália, Inglaterra, Escócia, Suíça, Alemanha, Canadá, Finlândia e Austrália, países pelos quais o DeROSE Method está difundido. A aula acontecerá no dia 17 de fevereiro, domingo, às 14h (horário do Brasil).

Para a promotora do evento, professora Fernanda Neis, esta ação marca uma história de vida que teve início no Brasil e hoje ganhou o mundo. “A maioria dos alunos da Rede DeROSE ainda não teve a oportunidade de participar de uma aula prática ministrada pessoalmente pelo DeRose. Há muitos anos ele ministra aulas desta modalidade apenas para diretores das escolas e instrutores formados. Esta é uma oportunidade especial para os alunos”, concluiu Fernanda.

A aula prática é completamente diferente das aulas teóricas ministradas por DeRose às terças-feiras e transmitidas abertamente pelo youtube. As aulas de terça-feira são teóricas e abordam temas como comportamento, boas relações humanas, etc. Para comemorar o aniversário, DeRose preparou uma aula prática especial incluindo oito tipos de técnicas diferentes. Elas compõem um dos pilares da metodologia hoje ensinada nas escolas. São técnicas especiais de concentração, respiração, força muscular, flexibilidade, meditação, mentalização, dentre outras.

DeRose é brasileiro, nascido no Rio de Janeiro, e começou a desenvolver sua metodologia na década de 60, comemorando 59 anos de magistério em 2019. Além de professor é também escritor e escreve sobre temas variados, quase todos ligados a comportamento e aprimoramento pessoal.

Inscrições

Como o evento será simultâneo cada país terá horário diferente para conexão online. Será realizado às 12h em Nova Iorque, 14h na Argentina, 14h no Brasil, 17h em Portugal e Inglaterra e 18h no resto da Europa. A inscrição é exclusiva para alunos em nível intermediário ou superior e pode ser feita diretamente nas escolas DeROSE Method. Outras informações no www.derosemethod.org.

Fonte:

Núcleo de Comunicação e Imprensa DeROSE Method

Jornalista Responsável: Fabiula Blum – fabiula.blum@derosemethod.org
Assessoria de Imprensa: EmeDois Comunicação

Mariana Marques – mariana@agenciaemedois.com.br
Sávia Reis – savia@agenciaemedois.com.br

sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019 | Autor:

Acordei, escovei os dentes com creme dental de coco, tomei banho com sabonete de coco e xampu de coco. Penteei meu cabelo com gel de coco. Passei um desodorante de coco. Fiz barba com creme de barbear de coco. Passei na pele creme hidratante de coco. Tomei um desjejum de ovos fritos em óleo de coco e tomei café com leite de coco, adoçado com néctar de coco. Vesti minha camisa feita com fibra de coco e fui trabalhar. Chegando ao escritório as pessoas me inquiriram agressivamente: “Você não usa coco? Você tem que usar coco!” Depois de concordar timidamente e provar que até a minha camisa era de fibra de coco, sentei-me na minha baia para trabalhar. Comecei imprimindo uns relatórios em papel reciclado de fibra de coco. Escutei a colega na baia ao lado dizendo à outra: “A melhor coisa para candidíase é aplicar óleo de coco na pepequinha.” Por educação virei para o outro lado e escutei: “Minha filha, para cozinhar eu só uso gordura de coco.” Na saída, uma colega me ofereceu um umectante labial de gordura de coco para os meus lábios rachados.

Terminei o expediente e fui ver um biquíni para a minha namorada. Comprei um que o sutiã era formado por duas metades de coco. Dizem que está na moda. Passei em uma loja de cavalheiros e comprei para mim um chapéu coco, para ser mais bem aceito por todos. Fui para a happy hour, onde tomei um porre da aguardente de coco. Já mais prá lá do que prá cá, entrei num coco e fui para casa onde me esperava minha namorada. Ela me pediu para sair e tomar uma água de coco geladinha, e comprar creme de coco em pó para engrossar algumas receitas.

Chegou uma hora em que eu não aguentei mais. Agarrei um coco com raiva e espatifei o maldito contra o cimento da calçada. Vieram dois policiais da Força Nacional do Coco e me levaram preso por coquicídio. Foi então que eu acordei. Estava no ano de 2030 e era apenas um pesadelo no qual eu estava revivendo a ridícula modinha do coco do ano de 2018.

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019 | Autor:

Está no ar o novo Portal Global do DeROSE Method!

Visite no link derosemethod.org

Atendimento:

Sede Central – São Paulo
Al. Jaú, 2000
Tel. 11 3081-9821

quinta-feira, 2 de agosto de 2018 | Autor:

Atitude Afirmativa é a primeira característica do DeROSE Method.
Atitude Afirmativa é estar predisposto a concordar, estimular, incentivar a toda e qualquer ideia ou proposta.
Atitude Afirmativa é primeiro dizer “sim”; e depois, pôr mãos à obra!
Atitude Afirmativa é o que precede a ação efetiva. A segunda, sem a primeira, não acontece.
Foi pela Atitude Afirmativa, seguida da ação efetiva, que conseguimos concretizar todos os sonhos, todas as realizações tachadas de “impossíveis”, vanguardeiras, pioneiras e revolucionárias do DeROSE Method pelo mundo afora.

Foto no thumbnail: Empreendedores do DeRose Method: Valter Figueiredo, Antonio Prates e Diego Nogueira (Copacabana – Rio de Janeiro).

➡ Inscreva-se no nosso canal www.youtube.com/metododerose
#derosemethod #deroselive

quinta-feira, 15 de junho de 2017 | Autor:

Excelente matéria publicada no jornal O Globo, um dos mais importantes do país. Meus cumprimentos ao brilhante jornalista Ronald Villardo pelo rigor, coragem e compromisso com a verdade. Por outro lado, agradeço a deferência, mas concordo com o que alguns vão escrever nos comentários: “Mestre só Jesus”. Obrigado, Ronald, obrigado O Globo, mesmo, de coração.

Leia o texto na íntegra também pelo website do jornal: https://oglobo.globo.com/rio/derose-um-mestre-que-ha-seis-decadas-ensina-respirar-21276408

Reportagem do jornalista Ronald Villardo no jornal O Globo, dia 20 abril de 2017

quarta-feira, 14 de junho de 2017 | Autor:

Reportagem que saiu no The Sunday Times, de Londres, considerou o DeROSE Method como de qualidade cinco estrelas. Veja o texto integral.

DeRose Method no The Times. Five Stars!